quarta-feira, 14 de novembro de 2012

ACUSAÇÃO X CONFRONTO

Muitas vezes nos deparamos com "pessoas/modelos" daquilo que gostaríamos de ser. 
Então, no primeiro momento, surge uma admiração pela pessoa, porque ela tem atributos que você busca, tem atitudes que você gostaria de ter, tem reações opostas às suas diante dos problemas... Mas se você não vigiar, essa admiração, essa vontade de ser diferente, pode trazer acusação ao seu coração.




Quantas de nós já não vivemos isso?

Dia desses, conversando com meu marido ao telefone, comecei a falar sobre várias coisas que eu achava que estavam erradas, que eu queria mudar isso, aquilo, que tal coisa a gente tinha que fazer diferente, orar mais, etc... Aí ele me respondeu: 
"- Calma,Kelly. Nada se resolve assim, sob acusação nada vai acontecer! Vamos orar e pronto!"
Com meu jeito às vezes meio afoito de falar, fui logo esclarecendo que aquela não era uma cobrança minha com ele, era uma cobrança minha comigo mesma... Mas mais uma vez, eu fui corrigida com sabedoria...Ele me disse:
- "Não acuse nem aos outros e nem acolha acusações contra você, não é se cobrando que as coisas irão mudar. Vamos orar e se acalmar, o Senhor sabe de todas as coisas".

Eu pedi perdão a ele, e a Deus, porque eu estava em um caminho equivocado, esquecendo de que o fardo do Senhor é suave, é leve...
A Bíblia diz que:

"Mesmo que o nosso coração nos acuse, certamente maior é Deus que o nosso coração e Ele conhece todas as coisas" (João 3:20)

A acusação não vem de Deus, ela é maligna. O acusador das nossas almas é o inimigo de Deus.

A acusação não gera arrependimento, mas gera culpa. Você já percebeu como existem pessoas que vivem se desculpando por seus erros, por seus acertos, por tudo? Chegamos a ficar agoniados, de tanto ouvir desculpas... Essas pessoas, muitas vezes, sofrem de acusação constante, elas se cobram muito, se enxergam erradas, mas efetivamente, não buscam arrependimento, não mudam. 

O que gera mudança de verdade é o arrependimento. O que nos faz mudar é pedir ao Senhor que nos mostre o nosso coração, e que Ele nos conduza rumo à atitudes que lhe agradam.

Essa mudança começa dentro de nós, ou seja, é interna e se expressa em atitudes externas.

Se você, assim, como eu, ainda não é tudo o que deseja ser, mas almeja do fundo do seu coração ser um modelo de mulher segundo o padrão de Deus, então, abra seu coração para o Senhor moldar e feche toda brecha de acusação na sua mente. 

A palavra de Deus, que é apta para nos ensinar, nos diz que Deus enviou seu Filho Jesus ao mundo, não para que condenasse o mundo, mas para que o mundo fosse salvo por Ele (João 3:17).
Ela também diz que nenhuma condenação há para aqueles que estão em Cristo Jesus (Romanos 8:1), para os que já não andam mais segundo a a carne, ou seja, para aqueles que estão rendidos ao Senhor.

A acusação é diferente do confronto... Quando somos acusadas, não encontramos força para mudar. Só enxergamos o nosso erro, o quão débeis somos... 
Mas quando decidimos ouvir a voz do nosso Conselheiro maior, Ele nos aponta o que O agrada, e o que não O agrada e nos apresenta saída e direção. Passamos a ser livres para sermos moldadas por Ele, em amor.

O Espirito Santo nos confronta, sim, mas não nos condena. O Pai corrige o filho, mas não o acusa. Ele ama, Ele mostra o que não está certo, produz arrependimento nos nossos corações, e nos conduz por um caminho sobremodo excelente!

Talvez hoje, você não seja a mãe que deseja ser, mas já tem buscado em Deus sabedoria para mudar... Então tenha paciência, ore, seja profunda, busque e Ele te ensinará!

Quem sabe, ainda, você não seja a profissional, dona de casa que sonha ser... Se você ficar só se cobrando, aceitando acusação, não vai produzir mudança, isso vai gerar tristeza e lamento. Mas se você buscar equilíbrio e sabedoria do Alto... Ele não vai fechar os ouvidos pra você, e quando Ele te der a direção, dê um passo de fé, e faça o que Ele disse pra você fazer. Não perca tempo, se tem ouvidos, ouça e faça.

Mas se o problema é o seu relacionamento com seu esposo, posso te falar por experiência própria: ore, clame a Deus, não fique se martirizando, busque alicerces fortes na Palavra de Deus, e construa, edifique sua casa
Enquanto a gente se lamenta, o inimigo lança muitas mentiras na nossa mente, passamos a questionar se fizemos a escolha certa, se o casamento dos outros não é melhor... Olha, casamento de todo mundo é difícil, mas o seu pode ser bem mais fácil, se você buscar em Deus a mudança necessária. Você muda e o seu marido é envolvido pela sua oração, pela sua mudança e quando você menos espera... Aconteceu o milagre!

Queridas, que possamos desfrutar dos benefícios desta verdade todos os dias das nossas vidas, sejamos livres de toda acusação e aceitemos este convite que o Senhor nos faz:
"Vinde a mim, todos que estais cansados e sobrecarregados e eu vos aliviarei. 
Tomai meu jugo e aprendei de mim que sou manso e humilde de coração, e encontrareis descanso para vossas almas"
Mateus 11:28-29




Beijos!

11 comentários:

  1. Ótimo texto Kelly, é bem assim... A acusação não gera arrependimento, mas gera culpa!

    Que bom que o Senhor nos colocou num corpo onde podemos nos cuidar, lembrando uns aos outros dessa verdade. :)

    E uma coisa é certa... Nossa alma gosta muito de arranjar desculpas... Precisamos nos posicionar para estar no descanso do Senhor. Que bom que Ele já nos proveu tudo!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Sara... Como é enganoso o nosso coração! Ainda bem que temos a graça de Deus sobre nós... Beijos pra vc, Querida

      Excluir
  2. Remoer culpas não resolve nada. Há que refletir, meditar e agir para que as mudanças aconteçam e sejam pemnanentes.
    Belo texto!
    Abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso mesmo, Sônia! Sentir-se culpada e não mudar, não significa arrependimento! Mas a obra que Deus faz em nossos corações é perfeita!
      Beijão!

      Excluir
  3. Lindo texto Kelly. Muito obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rose, obrigada vc pela visita e pelas suas postagens sempre tão inspiradoras. Deus abençoe sua vida. Bj!

      Excluir
  4. "E nisto conheceremos que somos da verdade, bem como, perante ele, tranqüilizaremos o nosso coração; pois, se o nosso coração nos acusar, certamente, Deus é maior do que o nosso coração e conhece todas as coisas. Amados, se o coração não nos acusar, temos confiança diante de Deus; e aquilo que pedimos dele recebemos, porque guardamos os seus mandamentos e fazemos diante dele o que lhe é agradável" (1 Jo 3.19-22).


    Muito edificante!!

    www.virtuosissima.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Kelly, recebi uma tag, e deixei o teu nome para responder,
    http://www.anneromanini.blogspot.com.br/2012/11/tag.html
    espero que tope!!

    Bjãoooo

    ResponderExcluir
  6. nossa, vc escreveu tanta coisa que nem sei por onde começar!
    Primeiramente glórias ao Senhor por ter te dado um marido cheio do Espírito Santo para te firmar no Senhor e buscar sempre a vontade dele.
    Não sei se vcs já fizeram o curso de Casados para Sempre mas é uma benção! Fala muito sobre orar em casal, se fortalecendo no Senhor e usando a Palavra Dele como uma arma mesmo contra os intentos do inimigo!
    Acusação é sim um dardo inflamado do inimigo que nós mesmo permitimos muitas vezes em nossas vidas...

    ResponderExcluir
  7. ...este final de semana mesmo, pós ter acabado de ler Jó, passei por uma situação que me auto acusei demais... Chorei muito, orei e percebi que o Senhor queria que eu entregasse TUDO em Suas mãos e parasse de lamentar: "Pq eu????"
    Jó passou por coisas que eu não saberia lidar, mas sei que o Senhor é Perfeito, Maravilhoso e Fiel e cuida de nós, e nos dá fardos que possamos carregar!
    Bom, vou parar por aqui pq sei que quando o comentário é grande demais o blogger corta e só vai o comentário pela metade. :/

    O Senhor te abençoe, fortaleça e que sigamos sempre olhando fixamente para Cristo!

    Beeeeijooos

    re-becah.blogspot.com

    www.youtube.com/user/blogdareh

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Rê! Pois é, esse curso do Casados eu ainda não fiz, pq nunca teve nas localidades que eu estava morando, mas eu conheço sim, meus pais já fizeram há muitos anos! Mesmo assim, sempre busco literaturas a respeito da vida conjugal, além de ouvir muitas ministrações e a própria Palavra, né? Mas quando tivermos oportunidade, faremos sim, com certeza! Deus é fiel! Precisamos nos posicionar diante das acusações, pq se não, não caminhamos mais e permanecemos a contemplar as derrotas... Um beijo, que o Senhor continue com vc, fazendo de vc uma mulher segundo o seu coração! Bj!

      Excluir

Obrigada pelo seu comentário!
Em alguns minutos ele será lido e em seguida liberado!
Beijos!